Teatro Amazonas, a Ópera de Manaus

0
13
Teatro Amazonas - A Ópera de Manaus

Um dos grandes legados do apogeu da borracha em Manaus é, sem dúvida, o majestoso Teatro Amazonas. Inaugurado em 1896, teve todos os benefícios que o “leite da seringueira” poderia comprar!

+Leia mais sobre os atrativos de Manaus
+Encontre seu hotel em Manaus

Dai que para apreciar melhor sua beleza e arquitetura, o ideal é fazer a visita guiada que acontece todos os dias, em vários horários. Eu fui até lá e agora conto para vocês como foi!

Uma curiosidade sobre a Época da Borracha: ela aconteceu entre os anos de 1890 e 1910, quando a Amazônia tinha o monopólio da produção de borracha no mundo. A partir de 1910 o Amazonas começa a perder espaço para a borracha que era produzida na Ásia, diz-se que, com mudas de seringueiras contrabandeadas de Manaus. Que lástima.

Teatro Amazonas
Impossível não se admirar com a beleza desse prédio.

Antes de entrar no prédio porém, preste atenção ao lado externo. Logo ao subir as escadas, olhando para cima, existe ali uma homenagem à música, à poesia e à arquitetura. De um lado estão a lira e uma máscara, do outro lado compasso e pergaminho.

Teatro Amazonas

O prédio, tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), levou aproximadamente 12 anos para ser concluído. Primeiro a cargo da empresa italiana Rossi e Irmãos, que teve seu contrato cancelado pois a obra não andava. Quando Eduardo Ribeiro assume o governo do Amazonas toma para si a responsabilidade de terminar o serviço!

Para isso ele manda trazer de fora, principalmente da Europa, os materiais e mão de obra necessários para a conclusão do Teatro. O único material local usado foi a madeira, abundante na região. E o material elétrico que veio de Nova York.

Maquete do Teatro toda montada com peças de Lego.

Sua cúpula, com as cores da bandeira brasileira, foi criticada na época pois todos acharam que Eduardo Ribeiro estava cometendo uma extravagância.

Suas telhas, envernizadas nas cores verde, branco, azul e amarelo, vieram da Alsácia, região francesa especialista nesse tipo de produto. E foram colocadas sobrepostas, como escamas, o que permite seu formato arredondado. 

Contam os livros que elas vieram de navio e ficavam em redes, para evitar que quebrassem durante a viagem! Contos e lendas do Amazonas.

Teatro Amazonas - Maquete da Cúpula
Maquetes explicam como ele foi construído.
A visita!

Parada obrigatória para quem vai ao Centro Histórico de Manaus, o Teatro Amazonas oferece visitação guiada no melhor estilo Bélle Epóque, levando o turista a caminhar por cerca de uma hora por seus corredores, salões e camarins.

Mas antes da visita começar nossa guia informa sobre o que podemos fazer: como tirar fotos sem flash. E o que não podemos fazer: como levar alimentos e bebidas lá para dentro. Fica a dica!! 😉

Depois dos avisos seguimos para a plateia do Teatro, para admirar o espaço, suas pinturas, máscaras, o teto, mobiliário e a linda tapeçaria do pano de boca ou comumente chamada de cortina do palco.

Teatro Amazonas - Palco e Plateia
Dias antes da visita, estivemos no Teatro e assistimos ao espetáculo de Natal. 
Plateia em formato de ferradura. Pena que a foto ficou torta!
Teatro Amazonas - Camarotes
Camarotes superiores, com o detalhe do Camarote do Governador ao centro.
Teatro Amazonas - Detalhes
Detalhes das grades dos camarotes que vieram da França.
Teatro Amazonas - Camarotes e Máscaras
As máscaras, nas colunas, homenageiam grandes nomes da música e do teatro.

Suas poltronas não são mais as originais. Elas foram substituídas por poltronas estofadas, pois as antigas eram de palhinha, que ao longo dos anos foi secando e desgastando. Mas alguns exemplares foram guardados e estão expostos.

Hoje entre plateia e camarotes, o Teatro Amazonas dispõe de 701 lugares.

Poltronas que hoje servem a plateia. Lindíssimas.
Teatro Amazonas - Antigo mobiliário
Poltronas originais, que hoje estão expostas aos visitantes.

Sobre o pano de boca, a peça foi confeccionada pelo artista plástico pernambucano Crispim do Amaral, quer era cenógrafo em Paris. Para que a pintura não sofra danos o pano não enrola, subindo reto pelo teto. Achei fascinante! Em outros teatros geralmente eles abrem de forma lateral.

Conforme a guia, seu desenho faz alusão ao fim da Monarquia no Brasil. Ela mostra uma cortina se sobrepondo ao brasão da Família Real, como que finalizando aquele ato.

O pano de boca do Teatro Amazonas tem 195 m² e sobe reto pelo teto, sem dobrar.
Salão Nobre

Na segunda parte da visita vamos para o primeiro piso conhecer o Salão Nobre onde aconteciam grandes recepções nos intervalos ou ao final dos espetáculos.

Esses eventos reuniam a nata da sociedade manauara, convidados ilustres e os próprios artistas que vinham se apresentar no Teatro Amazonas.

O Salão ficou pronto três anos depois da inauguração do Teatro e em sua construção foram utilizados os melhores dos melhores materiais que se podia comprar! As colunas são de mármore Carrara e seus trinta e dois candelabros de Cristal de Murano. 

O teto é o segundo no Brasil, pintado com motivos profanos, representando a “Glorificação das Belas Artes na Amazônia”. Sua pintura produz uma ilusão de movimento, pois de onde se olhe na sala, a imagem nos acompanha.

Seu assoalho possui 12 mil peças, feitas de madeiras nobres como pau-brasil, carvalho e jacarandá. Todas encaixadas pela técnica de marchetaria, que não leva cola ou pregos.

O desenho do piso é de Domenico de Angelis (pintor italiano que também trabalhou no Teatro da Paz, em Beléme representa as folhas das árvores da floresta.

Eu só fico pensando na trabalheira para encaixar essas pecinhas!!

O teto de 125 m² recebeu acabamento em ouro 14 quilates.
12 mil peças encaixadas, formam o piso do salão nobre.
Detalhe da escada que fica na sala anexa ao Salão e por onde subiam
os garçons em dias de festa!

Depois de ver tudo isso é que se entende um pouco de como vivia a alta sociedade de Manaus, no apogeu da produção da borracha. O que não se pode negar é que eles souberam aproveitar!

Uma última curiosidade! O calçamento nas ruas do entorno do Teatro foi fabricado com uma liga de borracha, para que as carruagens ao passarem por ali não fizessem barulho e atrapalhassem os espetáculos, já que as janelas precisavam ficar abertas em função do calor.

Teatro Amazonas - Calçamento de borracha
A foto é antiga, mas dá pra ver o calçamento, que hoje fica apenas ao redor do Teatro.

O Teatro Amazonas já passou por grandes reformas e uma minuciosa revitalização em 1989, sendo totalmente recuperado em sua grandeza. Mas suas manutenção e conservação são diárias.

Afinal, esse senhor de mais de 120 anos precisa de cuidados regulares, para estar sempre altivo e promovendo belíssimos espetáculos. Entre eles os do Festival de Ópera do Amazonas, que acontece nos meses de abril e maio, e que movimenta a cena cultural da cidade. 

Gostaram? Conseguiram se transportar para o Século XIX e se imaginar assistindo a uma ópera no Teatro Amazonas? Eu espero que tenham curtido e caso não conheçam, não esperem! Quando tiverem oportunidade vão até lá. 🙂 

Endereço: Rua 10 de Julho, no Largo de São Sebastião. Visitação: domingo e segunda, das 09h às 14h. Terça a sábado, das 09h às 17h. Ingressos: R$ 20. Estudantes, militares, professores e os acima de 60 anos, pagam meia. Nascidos no Amazonas com identidade comprovada, tem entrada gratuita. A visita acontece em três idiomas: português, espanhol e inglês. *Aos domingos só não ocorrem visitas se estiver acontecendo algum evento.

PLANEJE SUA VIAGEM

ALUGUEL DE CARROpesquise na RentCars os melhores preços, sem cobrança de IOF e pagamento em até 12x nos Cartões Visa e Mastercard.

SEGURO DE VIAGEMReal Seguro Viagem, em até 6x sem juros nos Cartões de Crédito.  

COMPRE SUA MOEDA ESTRANGEIRACotação Câmbio Turismo. Tendo a comodidade de poder retirar seu dinheiro nas lojas dos Aeroportos de Guarulhos, Congonhas, Porto Alegre, Curitiba e Florianópolis. 

DICAS DE HOSPEDAGEM: Procure no Booking e encontre as melhores ofertas!

INGRESSOS DE ATRAÇÕES, PASSEIOS, TRANSFER’S é com a TourOn.

**Gostou? Faça um comentário, inscreva-se para receber nossas dicas, curta a página! Cada que vez que você interage com o Casa de Doda, ele cresce e alcança mais viajantes. Obrigada!

*** O Casa de Doda é afiliado da TourOn, Real Seguro Viagem, RentCars, Cotação Câmbio, Booking.com e recebe uma comissão pelas reservas feitas através dos links aqui no blog. O leitor não paga nada a mais ao fazer a sua reserva pelo nosso link. Apenas contribui para que o Casa de Doda siga dando boas dicas por aqui! Muito obrigada por nos prestigiar, fazendo suas reservas aqui pelo bloguinho!

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.