Cordisburgo, terra de Guimarães Rosa e encantos naturais

0
168

Se você estiver de boas por Minas Gerais, lá por Belo Horizonte, por exemplo, e der vontade de conhecer um lugar novo, pegue o carro, vá pela BR 040, em direção a Sete Lagoas, dai continue um pouco mais e pegue a MG 231, rumo à cidade de Cordisburgo, que está a cerca de 120 km de distância da capital mineira. O nome, a princípio, soa um pouco estranho, mas tem um significado interessante! “Cordis”, em latim = coração e “burgo”, em alemão = cidade! Ou seja, Cordisburgo é a Cidade do Coração.

Esse pedaço de terra mineiro, teve o início de seu povoamento por volta de 1883, quando o Padre João de Santo Antônio por ali chegou. Em 1890 passa a ser um distrito de Paraopeba, cidade vizinha, e em 1938 torna-se município, que hoje conta com uma população de aproximadamente 10 mil habitantes, respirando cultura e oferecendo atrativos naturais de encher os olhos. Por não ser muito grande, é fácil passear pela cidade e assim não perder nenhum de seus pontos turísticos! Um dia é suficiente para ver tudo.

cordisburgo-mg-2
Estação Ferroviária de Cordisburgo. Preservada, é um dos pontos turísticos da cidade.

cordisburgo-mg-6Já na estrada de acesso o visitante se depara com a Casa Elefante! Construída inicialmente para ser a residência do mestre de obras e escultor, Stamar Azevedo, mas que acabou se tornando atração turística, já que de “suas costas” é possível ter uma vista panorâmica da cidade.

cordisburgo-mg-escultura-casa-elefante-1

cordisburgo-mg-escultura-casa-elefante-2

Mais em frente, temos a Capela do Patriarca São José. Sua construção e inauguração aconteceram em 1884, liderada pelo Padre João, fundador da cidade. Conta a história que foi a partir da Capela que a cidade teve origem. Não está aberta para visitação, apenas para missas em dias específicos da semana.

cordisburgo-mg-capela-sao-jose-1

Outro ponto turístico importante da cidade é a Igreja Matriz do Sagrado Coração de Jesus. Sua primeira construção data de 1894, sob os cuidados do Padre João de Santo Antônio. Em meados do Século XX um novo prédio foi erguido, em estilo eclético, mas guardando a forma das torres frontais e preservando a pia batismal em que foi batizado o escritor João Guimarães Rosa. A Igreja Matriz fica em um ponto elevado, oferecendo uma visão ampla da cidade. Em 2015 passou por obras de restauração e pintura.

cordisburgo-mg-igreja-matriz-sagrado-coracao-2

E como eu não sou baú, para ficar guardando as coisas, ali em cima já dei um spoiler, sobre um dos filhos mais ilustres de Cordisburgo, nada mais, nada menos que o escritor, romancista, médico e diplomata João Guimarães Rosa, autor de “Grande Sertão: Veredas”, considerada uma das obras mais importantes da literatura brasileira e que narra a história de vida do jagunço Riobaldo.

casa-de-guimaraes-rosa-cordisburgo-4

casa-de-guimaraes-rosa-cordisburgo-2Em 1974 a casa onde vivia a família do escritor foi transformada em Museu, o Museu Casa Guimarães Rosa, que guarda em seu acervo mais de 700 peças entre documentos pessoais, fragmentos de escritos do autor, utensílios da família, além de ter, em um de seus cômodos, a reprodução do antigo armazém, de propriedade de seu pai, que hoje funciona como uma lojinha de artesanato e souvenirs.casa-de-guimaraes-rosa-cordisburgo-1Em 2010, como uma forma de homenagear o escritor, foi inaugurado na cidade o Portal Grande Sertão. Produzido em bronze, pelo mesmo escultor que fez a estátua de Carlos Drummond de Andrade no Rio, o portal retrata o escritor, vaqueiros em seus cavalos e um cachorro, figuras comuns do sertão e das obras de Guimarães Rosa.

cordisburgo-mg-portal-grande-sertao-1
Eu adorei o doguinho, aproveitando a sombra do vaqueiro e fazendo parte da paisagem!
cordisburgo-mg-portal-grande-sertao-3
O Guimarães Rosa só de olho em mim, enquanto eu fazia a foto. Acho que por isso ela saiu meio cortada ali em cima!!!

Saindo do centro, seguimos para o atrativo natural da cidade, a Gruta do Maquiné, que coloca Cordisburgo no Circuíto Turístico das Grutas, junto com Sete Lagoas, Baldim entre outras cidades do entorno.

cordisburgo-mg-8

cordisburgo-mg-7
Gente, eu adorei essa placa!!! A saliência em questão são ondulações na pista, tá?!!!! 🙂

Descoberta em 1825 pelo fazendeiro Joaquim Maria Maquiné, a Gruta do Maquiné começou a ser explorada cientificamente em 1834, pelo naturalista Peter Lund, estudioso dinamarquês. Foi aberta para visitação em 1908. A Gruta tem 650 m de extensão, 18 m de profundidade e sete galerias, que foram recebendo ao longo dos anos, nomes referentes a formação que apresentam. As principais são o Salão do Trono, com duas grandes formações do tipo cortina,  e o Salão das Piscinas, onde as colunas calcárias descem do teto como cachoeiras petrificadas.

gruta-do-maquine-cordisburgo-5

gruta-do-maquine-cordisburgo-2

gruta-do-maquine-cordisburgo-29
Uma parte do Salão das Piscinas.
gruta-do-maquine-cordisburgo-27
O Morcego. Durante a visita algumas crianças disseram que era o Batman! Faz sentido eheheh
gruta-do-maquine-cordisburgo-18
Essas formações vêm sendo esculpidas há milhões de anos pela água. O incrível de tudo é que são gotas  que fizeram isso! 
gruta-do-maquine-cordisburgo-25
Grupo atento as explicações do guia, que vai nos mostrando cada detalhe dessa maravilha da natureza.

E essa foi mais uma dica de passeio. Desta vez por Minas Gerais. Terra cheia de lugares lindos e diferentes para conhecer. Dificilmente vocês ficarão entediados em MG !!! Sempre tem o que fazer naquela terra. Basta se programar, que todo final de semana tem aonde ir!

Besos

Meus leitores Nota 1000! A partir deste post terei imagens legendadas, prontas para serem “pinadas” para o Pinterest! Então fique a vontade, pine o quanto quiser e aproveite para seguir o Casa de Doda na plataforma, que é uma das queridinhas do momento !! 🙂


MUSEU CASA GUIMARÃES ROSA|Rua Padre João, 744 – Centro. Fone: +55 (31) 3715-1425 Funcionamento: de terça a domingo, das 09h às 17h. Entrada: R$ 2,00 Email: museuguimaraesrosa@cultura.mg.gov.br

CASA ELEFANTE|Rua São José, logo na entrada da cidade. Funcionamento: todos os dias, das 08h às 18h. Entrada: R$ 2,00.

GRUTA DO MAQUINÉ|Rodovia MG 231, em seguida MG 421, km 6. Funcionamento: todos os dias, das 08h às 16h30. Entrada: R$ 14,00 estudantes e idosos pagam meia entrada. Crianças até 5 anos, não pagam.


PLANEJE SUA VIAGEM

ALUGUEL DE CARROpesquise na RentCars os melhores preços, sem cobrança de IOF e pagamento em até 12x nos Cartões Visa e Mastercard.

SEGURO DE VIAGEMReal Seguro Viagem, em até 6x sem juros nos Cartões de Crédito.  

COMPRE SUA MOEDA ESTRANGEIRACotação Câmbio Turismo. Tendo a comodidade de poder retirar seu dinheiro nas lojas dos Aeroportos de Guarulhos, Congonhas, Porto Alegre, Curitiba e Florianópolis. 

DICAS DE HOSPEDAGEM: Procure no Booking e encontre as melhores ofertas! Ou compare o preço de seus hotel pelo Trivago.

INGRESSOS DE ATRAÇÕES, PASSEIOS, TRANSFER’S é com a TourOn.


**Gostou? Faça um comentário, inscreva-se para receber nossas dicas, curta a página! Cada que vez que você interage com o Casa de Doda, ele cresce e alcança mais viajantes. Obrigada!

*** O Casa de Doda é afiliado da TourOn, Real Seguro Viagem, RentCars, Cotação Câmbio, Booking.com, Trivago e recebe uma comissão pelas reservas feitas através dos links aqui no blog. O leitor não paga nada a mais ao fazer a sua reserva pelo nosso link. Apenas contribui para que o Casa de Doda siga dando boas dicas por aqui! Muito obrigada por nos prestigiar, fazendo suas reservas aqui pelo bloguinho!

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui